Santander vai oferecer financiamento de energia solar

Santander vai oferecer financiamento de energia solar

Fonte: Clickpetroleo.com.br

O banco também está reduzindo a taxa de juros para equipamentos solares de 1,69% ao mês para 0,99%. A linha de crédito é destinada a clientes individuais, rurais e legais, informou a mídia local na terça-feira.

A unidade brasileira do banco espanhol Santander (MCE: SAN) anunciou que oferecerá aos seus clientes locais uma linha de financiamento para instalações de solares de pequeno a médio porte em um esforço para impulsionar a geração distribuída (DG) no país.

O banco também está reduzindo a taxa de juros para equipamentos solares de 1,69% ao mês para 0,99%. A linha de crédito é destinada a clientes individuais, rurais e legais, informou a mídia local na terça-feira.

Relacionado: Qual será o tamanho do mercado de energia eólica do Brasil?

Com essa iniciativa, o Santander espera aumentar sua carteira atual de fundos de energia solar de R $ 100 milhões (US $ 24,2 milhões / EUR 20,7 milhões) para R $ 1,8 bilhões nos próximos três anos. Até 2021, o credor espera alcançar uma participação de mercado de 16% no financiamento de geração solar, de 11% atualmente.

Segundo o órgão regulador do setor elétrico nacional, a Aneel, o Brasil possui 44.328 sistemas de energia solar em operação, o que representa uma capacidade combinada de cerca de 350,27 MW.

Compartilhe:

Compartilhar no linkedin
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no print
Compartilhar no email
Compartilhar no print
Rolar para cima